7 vantagens de procurar um contador para a declaração do Imposto de Renda

Todo ano é sempre a mesma coisa: quando a Receita Federal divulga o período para a entrega da declaração do Imposto de Renda muitos contribuintes brasileiros se enchem de dúvidas, como por exemplo, quais bens devem declarar à Receita ou como preencher aos dados de forma correta.

Desde as declarações mais complexas, com muitos bens e dependentes, até as mais simples, com poucas informações, é preciso ter bastante atenção aos detalhes que não são tão conhecidos pelos contribuintes.

É preciso compreender todos os detalhes da declaração, da restituição e da tabela do IR para não correr riscos. Confira aqui 

E é por falta de conhecimento ou de atenção que algumas pessoas acabam caindo na temida ‘malha fina’. Por isso a importância de estar bem informado, para mais informações, clique aqui: https://irpf2019receita.com.br/irpf-2019/

Muitas pessoas recorrem a um profissional que possui experiência e entende muito sobre os detalhes do leão: o contador. Ao contratar esse profissional o contribuinte conquista muitas vantagens que minimiza o risco de bloqueio do Imposto de Renda. Penando nisso, separamos 7 vantagens em contratar um contador para não cair na boca do leão. Confira:

Esclarece as dúvidas

Normalmente, quando o contribuinte aliena ou adquire novos bens durante o ano, geram mais dúvidas. O contador pode esclarecer todos os questionamentos, como por exemplo, em casos de resgate de aplicações no mercado financeiro ou em fundos de previdência. A experiência do profissional pode ser fundamental para evitar os riscos.

Evita os riscos da malha fina

Quando o contribuinte realiza a declaração sem as orientações do contador corre um risco maior de cair na malha fina da Receita Federal, pois muitos não conhecem todas as regras e pode se prejudicar somente por causa de um detalhe.

Segurança

Com o auxílio de um profissional, o contribuinte garante mais segurança na hora de realizar a declaração, pois as suas escolhas podem impactar o valor a pagar ou que tem direito a restituir do fisco. Portanto, o contador orienta qual o melhor modelo de declaração ou qual a situação é melhor: apresentar a declaração dos cônjuges e dependentes, em conjunto ou separado.

Conhecimento de termos técnicos

Para fazer a declaração à Receita Federal é preciso compreender os termos técnicos, pois dessa forma evita os riscos da malha fina. No entanto, a maioria dos contribuintes não conhecem esses termos e o contador é o profissional adequado para realizar a leitura desses termos.

Saber quais bens declarar

Caso a declaração for mais complexa, o contador pode auxiliar o contribuinte indicando qual melhor maneira de declarar os bens, como por exemplo imóveis e carros, dados de contas bancárias , consórcios, entre outros.

Saber quem são seus dependentes

Uma das principais formas legais de reduzir o imposto a pagar ou aumentar a restituição é incluir dependentes na declaração do Imposto de Renda, mas para isso é preciso saber quem pode ser seu dependente e quais condições para isso. O contador analisa a melhor maneira de incluir pessoas como os pais, avós, bisavós e até os sogros.

Resolve toda burocracia

A declaração do IR exige muitos detalhes e o auxílio de um profissional de contabilidade é fundamental para resolver a parte burocrática do fisco. No entanto, é importante lembrar que a veracidade dos dados informados não é de responsabilidade o contador, e sim do contribuinte.

This entry was posted in Blogging. Bookmark the permalink. Both comments and trackbacks are currently closed.